Empresa dobra estrutura de atendimento comercial, investe em novo CRM e amplia estrutura logística buscando ampliar em 100% os negócios com provedores regionais em 2018.

A Redex Telecom, distribuidora e fabricante de soluções para telecomunicações, está atenta ao mercado nordestino, onde os provedores de internet ampliam exponencialmente suas redes. De acordo com dados da Abranet, mais de 30% dos municípios do Nordeste obtêm internet de alta velocidade através de pequenos provedores, sendo que 80% dessas empresas estão em cidades com mais de 30 mil habitantes e com projetos de ampliação contínua de redes de fibra óptica. Na avaliação de Rafael Martins, Coordenador Comercial, da Redex, a alta demanda tem elevado o nível de exigência dessas empresas, que procuram cada vez mais por produtos de qualidade homologada pela Anatel.

“Participamos, no mês passado, do Mikrotik User Meeting (MUM), realizado em Maceió e com mais de mil provedores participantes. Foi a ocasião ideal para validarmos a nossa percepção de que o mercado nordestino de provedores de internet está em plena ascensão e procurando por soluções que otimizem resultados e reduzam custo operacional a curto, médio e longo prazo”, diz Martins.

Para ele, o sucesso obtido pela mini máquina de fusão XFS, recém-lançada pela X-Fibers e comercializada pela Redex, é a principal demonstração da pujança desse mercado no Nordeste. “Fomos ao Mikrotik com uma oferta diferenciada desse equipamento, permitindo o parcelamento em 12 vezes diretamente com a Redex e ainda garantindo o melhor preço do mercado, e isso foi convertido em tremendo sucesso de vendas e de credibilidade junto aos provedores locais”, diz o especialista.

 

Estruturação válida
Segundo Rafael Martins, os resultados colhidos no mercado nordestino de telecomunicações são fruto do investimento da Redex no atendimento nacional a provedores regionais e reflete a pujança desse setor em todas as regiões do país. A empresa, cujos negócios com provedores regionais cresceu 120% em 2017 e deve ampliar em mais 100% no próximo ano, estruturou uma área dedicada a esses clientes no início de 2017 e reformulou o sistema de CRM para melhor classifica-los no atendimento de cada compra.

“Para 2018, estamos dobrando a equipe de vendas para esse mercado, além de investir em uma maior estrutura logística para garantir que os nossos clientes recebam suas compras em, no máximo, quatro dias úteis”, diz ele.

Com um novo site voltado à disseminação de conteúdo informativo e técnico a respeito dos equipamentos para redes de telecomunicações, a Redex também lançará o e-commerce no segundo semestre de 2018, otimizando a compra de produtos e serviços. “Essa será a última etapa de atendimento multiplataforma para provedores regionais, que hoje já contam com canais exclusivos de vendas por Whatsaap e Facebook”, diz Martins. “Coroamos esse atendimento com a disponibilidade de cursos gratuitos sobre tecnologias para desenvolvimento dos provedores regionais. O primeiro, tratando de desmistificar o OTDR, ocorre agora em dezembro na sede da Redex em Barueri (SP) e 2018 terá uma agenda cheia de novos cursos em vários estados e sobre vários temas”, conclui Rafael Martins.

Gostaria de receber nossas novidades no seu e-mail?